Alguns Há Que Espalham…

Alguns há que espalham, e ainda se lhes acrescenta mais; e outros, que retêm mais do que é justo, mas é para a sua perda” (Pv 11:24).

Nenhuma escola de administração de empresas nos Estados Unidos está tão avançado ao ponto de ensinar esta lei da economia. Nem Harvard. Nem tampouco Stanford. Nem a Wharton School na universidade de Pennsylvania. Este provérbio é um segredo financeiro do Deus celestial para o Seu povo. Distribuindo seus ativos financeiros aumentará o seu patrimônio líquido, enquanto que acumular dinheiro conduz à pobreza.

Se você quer um segredo do SENHOR e do rei Salomão, para aumentar a sua riqueza, aqui está ele. Dispondo dinheiro para causas nobres e justas lhe trará prosperidade, mas retendo-o, você irá caminhar para baixo. Aqui você tem um conselho, não invista dinheiro, mas dê aos outros! É isso mesmo; você leu corretamente; dê o seu dinheiro e avance financeiramente!

Este provérbio não soa bem a uma organização de caridade ou a algum tele evangelista. Ele é um axioma da sabedoria do mais sábio e rico rei que jamais existiu. Em outra passagem Ele recomenda que você ‘lance o seu pão sobre as águas’ distribuindo-o, pois ele retornará a você no futuro através de bênçãos de Deus (Ec 11:1-6; II Cor 9:8-11; Fp 4:17-19).

Salomão comparou dois homens neste provérbio. Um que espalha o seu dinheiro em causas piedosas, e tem a sua prosperidade financeira aumentada. Apesar do fato de que ele está dando dinheiro a outros, a sua conta corrente continua aumentando. O outro homem entesoura e protege os seus ativos por não dar a outros quando deveria, ou não dá tanto quanto deveria dar, e ele se torna cada vez mais pobre.

Tolos zombam da sabedoria de Deus. Os melhores MBA”s riem desta idéias absurdas. Como é que você doa fundos e aumenta seus ativos? Suas mentes são limitadas à matemática que lhes foi ensinada por seus professores terrestres. Lembre-se, esses MBA”s ignorantes também pensam que o sistema solar surgiu de um “big bang” (grande explosão) de gases cósmicos e que suas mães descendem de macacos! Eles não conseguem nem imaginar que há um universo inteiro de leis mais elevadas, a respeito dos quais eles não entendem nada!

Eles pensam que 10 – 1 = 9, quando na realidade 10 – 1 = 900! Aprenda a matemática de Deus! Isaque, nascido numa família que contribuía com um décimo de seus ganhos, por tradição divina, tinha um retorno anual de 10.000% sobre os seus bens (Gn 26:12)! Quando é que esses tolos educados com grossos livros de economia jamais conseguem um retorno como aquele? Eles trabalham muito para se igualar aos “S&P 500” (é um índice contendo as ações das 500 maiores corporações, pelo porte do seu capital), o que pode ser obtido lançando dardos na página de finanças do jornal ou comprando um índice de fundos!

Abraão, o pai de Isaque, deu um décimo ao sacerdote de tudo que tinha conquistado após uma grande vitória (Gn 14:20). Ele era muito rico, apesar de ter mudado uns 1000 quilômetros da casa de seus pais, sem um plano estratégico, para uma terra estranha onde ele não conhecia ninguém nem sabia de nada (Gn 13:2, 6)! Mas ele aumentou as suas riquezas através das bênçãos de Deus, por honrar a Deus com o dízimo.

Jacó, filho de Isaque, mudou-se para outro país com apenas um cajado em suas mãos, mas 20 anos mais tarde ele estava tão rico que ele só podia viajar em dois grupos (Gn 32:10). E isto ocorreu apesar de ter sido discriminado pelo seu empregador (Gn 31:7, 41)! Qual era o segredo do seu sucesso financeiro? Doava 10% de toda a sua renda (Gn 28:22). Dê a glória a Deus!

Os tolos pensam que eles devem zelar pelo número um, quer dizer, eles mesmos, e só dar a Deus um pouco do que lhes sobra. Se não sobra nada, Deus não recebe nada. Os homens sábios também zelam pelo número um, quer dizer, o próprio Deus. Eles dão primeiramente a Deus, e vivem daquilo que sobra. O abençoado Deus do céu enxerga os diferentes espíritos e consequentemente os recompensa!

Os tolos pensam, “Eu não posso arcar com isto. Eu tenho que proteger a minha situação financeira. Eu tenho contas a pagar e eu tenho que me preparar para elas. Quando eu estiver numa situação financeira melhor, então eu vou dar.” O Deus celestial opera muito acima dessas idéias ignorantes e más a respeito da segurança financeira. Os tolos certamente vão ficar mais pobres. Nunca vão conseguir se desenvolver financeiramente ao violar este provérbio. Basta uma pequena pesquisa para se verificar que tais homens geralmente são os mais pobres que você conhece.

Você não pode se dar ao luxo de não doar! Sua situação irá de mal a pior, se você continuar a roubar o seu Criador (Ml 3:8-11; Gl 6:7). É melhor viver de 90% da sua renda dentro da vontade de Deus do que roubar miseravelmente os Seus 10% e viver em rebelião! Se você rouba os 10% Dele, Ele tem o direito e o poder de lhe tirar os 10% Dele e também os seus 90%! Você não pode se dar ao luxo de não contribuir!

Você pode se dar ao luxo de contribuir. Se o seu salário fosse reduzido em 10%, você continuaria a viver com algumas pequenas mudanças. Alguns governos se dispõem a dividir as suas doações com você, permitindo que você faça uma dedução por conta da doação! Para um americano médio, ele só contribui, na realidade, com 6% ao doar 10%. Você rouba e mente, quando você diz que não tem condições de doar! Humilhe-se; escolha a sabedoria e cresça!

O dízimo não é um limite, pois as bênçãos do Novo Testamento certamente merecem mais do que os pífios 10% do Velho Testamento! Suas bênçãos espirituais e materiais são maiores do que aqueles com que Israel jamais sonhou! Deus tem lhe dado 100% do que você é e do que você tem, e o céu lhe espera. Será que 10% é tudo que você consegue dispor? [Quando você analisa cuidadosamente os fatos, no Velho Testamento, a realidade exigia 23,333…%].

Os tolos também consideram, “Os outros homens dão porque eles têm mais para dar. O dar não lhes trouxe o sucesso financeiro, mas eles dão porque eles são financeiramente bem sucedidos.” Você está mentindo para si mesmo para proteger a sua alma egoísta e mesquinha. Você está rejeitando a infalível palavra de Deus para honrar a sua ignorância gulosa. Você nunca será um sucesso. Está descendo a ladeira?

Certa vez Israel pensou que era financeiramente sábio construir em primeiro lugar as suas casas, mas Deus assoprou um vento sobre os seus esforços e fez buracos nos sacos onde guardavam os seus salários (Hc 1:1-11). Ele lhes prometeu grande sucesso, se colocassem a Sua causa em primeiro lugar (Hc 2:13-19). Leitor, você tem buracos em suas carteiras? Você não pode zombar de Deus; Ele o levará à pobreza. Será que Deus verdadeiramente abençoa aquele que doa? É claro que sim (Pv 3:9-10). Veja os comentários de Provérbios 3:10.

Como é que o Senhor pode aumentar a renda de um homem que distribui seu dinheiro? Ele pode aumentar a sua receita, reduzir as suas despesas, mudar as leis de impostos, arranjar doações, conceder favores, deferir responsabilidades, estender a vida dos seus ativos, preservar a saúde e a energia, abrir portas de oportunidades, multiplicar esforços, criar novos negócios, dar sabedoria, atrair fregueses e muitas outras coisas. Glória!

Até onde vai esta regra? Deus o desafia a dar mais do que você possa dar a Ele! Ele disse a Israel que Ele abriria as janelas do céu e derramaria benção tais que eles não conseguiriam receber, se tão somente trouxessem os seus dízimos e ofertas a Ele (Ml 3:7-12). Dê a glória a Deus! Ele pode lhe dar uma boa medida, recalcada, sacudida e transbordando por cima (Lc 6:38)! Leitor, Ele desafia você. O Deus do céu desafia você a dar para Ele.

Existem duas condições a serem cumpridas para que Deus possa derramar as Suas bênçãos sobre as contribuições – você tem que dar generosamente e com alegria (Pv 11:25; II Cor 9:6-7). Se você for pão duro, Deus será pão duro com você. Se você for generoso e liberal, Ele fará o mesmo nas Suas tratativas com você. Se você não está alegre e animado a respeito de dar, é tudo uma perda – pois Deus ama os contribuintes alegres. Contribuir é um ato de adoração, e você deve fazê-lo com alegria (Dt 28:47).

Se você é um filho de Deus morando nos Estados Unidos, você tem a combinação de bênçãos jamais experimentadas por qualquer pessoa no mundo. E certamente não é porque os americanos são melhores do que os outros. É a pura misericórdia de Deus. Como é que você pode não ser o mais liberal dos contribuintes de todos os tempos? Você acumulou uma grande dívida com o seu Criador e Salvador, muito mais do que os outros povos.

Robert Gilmour LeTourneau (1888-1969), um homem cristão, com pouca educação, foi um dos maiores inventores americanos com 300 patentes para equipamentos pesados de movimentação de terra e outros tipos de equipamentos. Ele e suas fábricas produziram 70% dos equipamentos pesados para trabalhos de terraplenagem usados pelos aliados durante a II Grande Guerra. Qual foi a regra do seu sucesso? Ele dava 90% de sua receita de volta ao Senhor. Qual era o seu versículo preferido? Mateus 6:33! Sua experiência e filosofia a respeito de contribuir? “Com a pá eu jogo o dinheiro para fora, e Deus com a Sua pá o devolve para mim – mas Deus tem uma pá maior do que a minha”.

Se você encontra uma pessoa pobre, realmente necessitada e dá a ela, o Senhor do céu vai lhe retribuir (Pv 19:17; Dt 15:10-11; Sl 41:1-2). Mas se você retiver o seu dinheiro e ativos para proteger a sua situação financeira, o Senhor do céu lhe amaldiçoará com muitas maldições (Pv 28:27). O contraste aqui é bem severo, mas você é suficientemente sábio para crer e obedecer isto?

Dando ao homem de Deus que lhe ensina a palavra de Deus, não é somente uma tradição religiosa ou uma sugestão conveniente; é a ordenança de Deus (I Cor 9:1-14; Gl 6:6; I Tm 5:17). Deveria ser um grande prazer recompensar o Seu servo e agradar a Deus! Como ele é embaixador de Deus, o tratamento que você dispensa a ele é um reflexo direto do seu amor por Deus.

Se você tem um membro de sua família passando necessidade, você negou a religião cristã, se você não lhe deu apoio financeiro (I Tm 5:4, 8). Se você é um avô/avó ou pais de filhos, vocês devem dar a eles uma herança (Pv 13:22; II Cor 12:14). Você está se segurando para si mesmo como os fariseus nos dias de Jesus (Mc 7:9-13)? Você está descendo a ladeira!

Você já desejou andar sobre as águas como Pedro? Você aqui tem a sua oportunidade. Pedro tinha que por o pé para fora da amurada do seu barco e descer até a água, por fé, e você pode distribuir o seu dinheiro por fé. Vá atrás! Não olhe para as ondas! A promessa deste provérbio e os outros versículos incluídos aqui são como o Senhor dizendo a Pedro, “Venha”.

Você crê na Bíblia? Você fala aos outros a respeito da Bíblia? Então creia nela! Dê a outros parte daquilo que você tem. Faça-o. Mostre a Deus e aos homens a sua fé. Faça um teste do provérbio. Veja se aumenta os seus bens. Permita que Deus seja verdadeiro e todo o homem mentiroso. Este provérbio é verdadeiro. Essa regra de sucesso veio do céu, e ela nunca falhou.

Os benefícios de um paraquedas de ouro do céu continuam. A contribuição generosa e alegre lhe dá um bom fundamento para a sua alma no Dia do Juízo (I Tm 6:17-19; Mt 10:42; 25:40; Lc 4:14; Hb 6:10). Este é um benefício adicional incrível para quem contribui. Leitor, o que mais você precisa para aprender a dar?

O dar reflete a graça de Deus em seu coração e o aproxima mais a Ele. Mas não importa o quanto você progrediu na graça de dar, Jesus Cristo continua sendo o Doador incomparável. Foi ele quem deixou a riqueza do céu para fazer o supremo sacrifício para livrar você da pobreza eterna e garantir a você as riquezas eternas (Jo 3:16; Rm 6:23; II Cor 8:9 e 9:15).

 

Fonte: Let God Be True

Gerar PDF

Você pode gostar...